PERIPÉCIAS DE UMA MENTE INSANA

Eu sei que esse é só mais blog, dentre milhares que existem por aí. Com certeza ele não é o mais interessante, muito menos o mais bem feito e bem escrito. Eu sei também que ele é escrito por uma pessoa comum, como milhões que estão espalhadas nesse planeta. Sinceramente, não vejo nenhum motivo forte que possa convencê-lo a ler esse blog. Talvez quando eu descobrir, eu te conto.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Estereótipo x Essência

passarinho doidão
    Tentar determinar um padrão de vida correto, numa sociedade tão heterogênea como a nossa, é como dar um tiro no escuro: não há como ter certeza onde ele irá acertar. No entanto, é impossível resignar-se alheio às influências externas, visto que são elas as maiores colaboradoras para a formação da personalidade.

diga não às drogas oO
   Vista-se com a saia de rendas vintage e amarelada da sua mãe, um suéter xadrez ou uma galocha com estampa de zebra (sim, eu tenho uma!) e prepare-se para receber, além de olhares de reprovação, cochichos maldosos de quem cruzar o seu caminho. E olha que nem precisa caminhar muito. A sociedade vive de aparências, e nós buscamos, incessantemente, por aceitação. Mais do que participar de um grupo ou até mesmo uma sociedade anônima, a aprovação permite uma convivência harmoniosa, além de uma considerável melhora na autoestima. Raros são aqueles que não desejam ser queridos e necessários em seu grupo de convívio, e para que isso aconteça, é necessário que corresponda às expectativas do núcleo que tanto estima participar.
queria mesmo era uma galocha da xuxa!

  Sendo a permissa de ser aceito quase vital ao ser humano, o contrário disso pode ter resultado catastrófico. Tentar seguir um modelo de vida estipulado por terceiros pode acarretar distúrbios psíquicos e emocionais em quem não consegue enquadra-se no padrão ditado pela maioria. Estereótipos possuem forte tendência ao preconceito, que podemos constatar nas diferentes classes sociais. Os menos favorecidos não são copiados por quem está ao redor , ao contrário da elite da população, que define a melhor e mais aceitável maneira de viver. Quem tenta livrar-se dessas formas préestabelecidas de vida opta por quebrar as regras na busca por modificação. Essa não precisa ser sinônimo de anarquia ou infração, mas um desejo sincero de romper a hipocrisia. São pessoas que expõem desejos adormecidos, que a maioria tenta esconder.

pensando bem, o rico eu até aceitava! :D
   Sem verdade, não há História. Logo, a superficialidade além de não trazer os benefícios tão almejados, tende a amargurar corações, frustrando e bloqueando o sub-consciente diante de certas situações. Infelizmente, não há como seguir um modelo que pareça ser o correto, pois o mesmo não existe. A felicidade consiste em ser fiel à própria essência e ter coragem para transgredir sempre que sentir vontade. Seja sincero com você mesmo.
haha a ju tem celuliiiteee lero lero :P

Nenhum comentário:

Loading...